Assine nossa newsletter

Muito além da imagem: 8 celebridades brasileiras que possuem cargos executivos em grandes empresas

Após encerrar um contrato de 19 anos com a Globo, a atriz Ingrid Guimarães foi anunciada como showrunner do streaming Amazon Prime Video
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
Ingrid Guimarães. (Foto: Fábio Rocha/Globo)

Na última semana, a atriz Ingrid Guimarães anunciou o fim do seu contrato de 19 anos com a Rede Globo e o início de um futuro com o Amazon Prime Video. Na guinada de artistas que estão deixando a TV aberta para explorar o streaming, a escolha da humorista parecia mais um simples exemplo da força digital. No entanto, no início da semana, seu cargo foi revelado: Ingrid é a mais nova showrunner da plataforma. 

Posto extremamente conhecido na TV norte-americana – mas que ainda gera dúvidas no mercado brasileiro – sua função pode ser descrita como um misto entre roteirista e produtora executiva. Resumidamente, a atriz fica responsável por gerenciar escolha de elenco, diretores, sala de roteiristas, orçamento e até o rumo das futuras séries brasileiras produzidas pelo streaming. Mais do que uma novidade para o setor, Ingrid é considerada a primeira mulher a ocupar esse cargo em uma grande corporação no Brasil. 

LEIA MAIS: Mulher na liderança de empresa ainda é raridade no Brasil

Nos Estados Unidos, os showrunners já são muito conhecidos, o que fez com que a Netflix começasse a contratar alguns nomes de peso para a equipe. Nos últimos anos, os roteiristas Shonda Rhimes e Ryan Murphy foram contratados pelo streaming – com contratos estimados em até US$ 300 milhões. 

Peça-chave para o desenvolvimento das produções brasileiras no Prime Vídeo, Ingrid Guimarães já pode ser considerada uma grande executiva da empresa no país. Mais do que uma atriz contratada para publicidade ou séries pontuais, ela se tornou uma das mentes por trás da gestão do streaming. Recentemente, outras celebridades também chamaram a atenção por ingressarem em cargos executivos, como Anitta no conselho do Nubank e Manu Gavassi como head de conteúdo da marca de gin Tanqueray. 

Veja, na galeria abaixo, 7 celebridades que, assim como Ingrid Guimarães, possuem cargos executivos dentro de grandes empresas:

Anitta 

Anitta ensina 5 lições que aprendeu ao gerenciar a própria carreira
Anitta. (Foto: Divulgação)

Em junho de 2021, a cantora e empreendedora Anitta se juntou ao Nubank como integrante do conselho de administração da empresa. Com 40 milhões de clientes no Brasil, no México e na Colômbia, o banco digital revelou que a contratação da artista faz parte de uma iniciativa para melhorar seus serviços e produtos para consumidores de baixa renda. Além disso, o CEO e cofundador do banco, o bilionário David Vélez, disse que a cantora de 29 anos trará um profundo conhecimento de marketing para a companhia. Embora esse seja o caso mais recente da carreira da carioca, ela atua desde 2019 como líder de criatividade e inovação da Skol Beats, marca da Ambev. 

Manu Gavassi 

Manu Gavassi. (Foto: Divulgação)

Desde sua participação no Big Brother Brasil em 2020, a atriz e cantora Manu Gavassi vem mostrando seu gosto pela carreira publicitária. Em fevereiro, ela foi a primeira garota propaganda de O Boticário a também assinar a direção criativa de uma campanha nacional. Apenas um mês depois, a artista deu um passo ainda maior, assumindo o cargo de head de conteúdo da Tanqueray no Brasil, gin do portfólio da Diageo. Manu já atuava como uma das influenciadoras da marca desde 2019, mas a partir desse ano assumiu a criação e a produção de conteúdo e as campanhas digitais. 

Marina Ruy Barbosa 

Marina Ruy Barbosa. (Foto: Divulgação)

Talvez uma das primeiras artistas brasileiras a entrar nessa onda de carreira executiva, ainda em 2020 Marina Ruy Barbosa se tornou diretora de moda da ZZ MALL, marketplace das marcas do grupo Arezzo&Co. A atriz, que também lançou sua própria marca de roupa no ano passado, assumiu uma posição de responsabilidade estratégica de moda na Arezzo, contribuindo para a curadoria, direção criativa dos conteúdos da plataforma e das redes sociais, direcionamento de branding e fortalecimento da marca. 

Gisele Bündchen

Gisele Bündchen torna-se acionista da Ambipar
Gisele Bündchen. (Foto: Stefano Rellandini/Reuters)

Conhecida pela sua atuação em causas ambientais, em julho de 2021 Gisele Bündchen tornou-se acionista, membro do Comitê de Sustentabilidade e embaixadora da Ambipar – empresa especializada em resposta a emergências e gestão de resíduos ambientais. Com presença ativa, a modelo atua na promoção da imagem institucional e dos produtos e serviços da marca, especialmente nas ações relacionadas a ESG, além de campanhas publicitárias. “Me identifiquei com os valores de inovação e sustentabilidade da companhia e me surpreendi com o potencial de geração de efeitos positivos para a sociedade”, afirmou a modelo em nota para a imprensa. “Quero ajudar a Ambipar a criar pontes com os mais diversos mercados, incluindo o da moda, que precisa de uma transformação profunda para se tornar mais sustentável.”

Taís Araújo 

Taís Araújo (Foto: Divulgação)

Também este ano, Taís Araújo se tornou embaixadora e colaboradora do Banco BV – em um contrato com duração de três anos. Com foco na criação de produtos e serviços focados no meio ambiente e no universo feminino, sua atuação promete ajudar a empresa a se firmar como uma opção sustentável e digital no mercado. Além disso, a atriz poderá influenciar na escolha de projetos sociais patrocinados pelo banco. “Não sei nada de banco, mas quero aprender e passar esse aprendizado para as pessoas. Os bancos vivem da nossa renda e não é justo que a gente não entenda para onde vai o nosso dinheiro”, disse a atriz em nota para a imprensa. 

Iza 

Iza. (Foto: Divulgação)

À frente do lançamento de dois modelos de tênis da Olympikus em 2020 –  CS1 e OLY 001 – Iza iniciou sua atuação como diretora criativa da marca, com foco na criação de peças confortáveis para o dia a dia e para a prática de exercícios físicos. “A música acabou me levando para esse lugar. Era um sonho antigo que eu sempre quis colocar em prática”, revelou a cantora à Vogue.

Claudia Leitte 

Claudia Leitte. (Foto: João Miguel Júnior/Globo)

No ano passado, Claudia Leitte virou sócia do empresário Tarek Farahat na empresa Vênus, especializada em bens de consumo. No cargo de CCO (Chief Communications Officer), ela atua diretamente na campanha dos produtos – não apenas como a imagem da marca, claro. Em 2021, após menos de um ano no cargo, a cantora já está à frente do desenvolvimento dos primeiros biocosméticos da marca. 

Fique por dentro de todas as novidades da EQL

Assine a EQL News e tenha acesso à newsletter da mulher independente emocional e financeiramente

Baixe gratuitamente a Planilha de Gastos Conscientes

Participe da live Meu Primeiro Investimento

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem:

Assine nossa newsletter