Ibovespa patina para manter 130 mil pontos; Embraer dispara

Às 11:09, o Ibovespa caía 0,06%, a 129.832,62 pontos. Na máxima, mais cedo, chegou a 130.478,34
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

O Ibovespa encontrava dificuldade para se sustentar acima dos 130 mil pontos na manhã de hoje (10), enquanto Embraer disparava com anúncio da fabricante de aviões de que negocia fusão da sua unidade de mobilidade aérea urbana com empresa dos Estados Unidos.

Às 11:09, o Ibovespa caía 0,06%, a 129.832,62 pontos. Na máxima, mais cedo, chegou a 130.478,34. O volume financeiro somava 5,7 bilhões de reais.

OLHA SÓ: Principais notícias do mercado para essa quinta-feira

Investidores também repercutem dados de preços ao consumidor dos Estados Unidos em maio, com alta de 0,6% após avanço de 0,8% em abril, que havia sido a maior taxa desde junho de 2009. Economistas esperavam alta de 0,4%.

Na visão do estrategista-chefe do banco digital modalmais, Felipe Sichel, de fato, o CPI foi mais forte que o esperado, mas ele avaliou que o Federal Reserve continuará com a retórica de inflação transitória.

Em Wall Street, o S&P 500 subia 0,6%.

DESTAQUES

– EMBRAER ON disparava 13,12%, após anunciar que sua empresa de transporte aéreo urbano Eve iniciou discussões para uma eventual combinação de negócios com uma empresa de propósito específico de capital aberto nos EUA.

– BRASKEM PNA avançava 4,33%, ensaiando mais uma recuperação após forte queda na terça-feira, enquanto investidores continuam monitorando desdobramentos sobre a venda da participação dos controladores da petroquímica.

– ELETROBRAS PNB valorizava-se 1,76%, em meio a expectativas relacionadas à votação da medida provisória (MP) de privatização da elétrica.

– ITAÚ UNIBANCO PN subia 0,18%, afastando-se das máximas registradas mais cedo, com BRADESCO PN em alta de 0,21%.

– PETROBRAS PN mostrava elevação de 0,7%, favorecida pela alta dos preços do petróleo no mercado externo. Na véspera, a petrolífera divulgou que as vendas totais de diesel cresceram 17,1% em maio.

– VALE ON cedia 0,35%, mesmo com a alta dos futuros do minério de ferro na China, com Pequim reiterando sua meta de conter a inflação nas commodities.

– GOL PN mostrava declínio de 2,95%, após tocar máxima intradia em seis meses na véspera, enquanto AZUL PN perdia 0,94%.

– VIA VAREJO ON recuava 2,25%, também entre os destaques negativos, assim como MAGAZINE LUIZA ON, que trabalhava com declínio de 1,26%. Na contramão mais uma vez, B2W ON valorizava-se 2%.

(Com Reuters)

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: