Assine nossa newsletter

Britney Spears comemora fim de tutela, e advogada do pai vê “erro”

Vivian Thoreen criticou a decisão de colocar um "estranho" como curador do patrimônio da cantora até a decisão final
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Uma advogada de Jamie Spears criticou nesta quinta-feira (30) a decisão de um tribunal de Los Angeles de afastá-lo do papel de curador do patrimônio de US$ 60 milhões de sua filha, Britney Spears.

A juíza Brenda Penny , do Tribunal Superior de Los Angeles, retirou Jamie Spears da função na quarta-feira (29) e marcou uma data em novembro para determinar se vai encerrar o arranjo legal de 13 anos. Ela o substituiu temporariamente por um contador sugerido pelo advogado de Britney.

OLHA SÓ: Manu Gavassi é a nova administradora da conta do Itaú no Twitter

“Com todo o respeito, o tribunal errou ao suspender o senhor Spears, colocar um estranho em seu lugar para administrar o patrimônio de Britney e prorrogar a mesma tutela que ela implorou ao tribunal no início do verão para que fosse encerrada”, disse Vivian Thoreen, uma advogada de Jamie Spears, em um comunicado.

O desfecho foi “decepcionante, e francamente, uma derrota para Britney Spears”, acrescentou Thoreen.

A cantora de “Stronger” havia dito à corte que seu pai é controlador e que tem medo dele. Depois que ele foi suspenso, a pop star disse estar “nas nuvens neste momento”.

Mas Thoreen disse que seu cliente ajudou a artista a ressuscitar a carreira e a restabelecer um relacionamento com os filhos durante a tutela, que direcionou seus assuntos pessoais e financeiros depois que ela teve um colapso mental em 2008.

O pai da cantora surpreendeu no começo deste mês ao pedir à corte que encerrasse a tutela.

(Com Reuters)

Fique por dentro de todas as novidades da EQL

Assine a EQL Newsletter

Baixe gratuitamente a Planilha de Gastos Conscientes

Participe da live Meu Primeiro Investimento

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem:

Assine nossa newsletter