EQL indica: 6 dicas culturais para o final de semana

Apesar das sansões impostas pela Covid-19, ainda é possível se divertir sem sair de casa
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Com a chegada do tão esperado final de semana, muitas pessoas preferem descansar a mente e o corpo para diminuir o ritmo agitado da rotina de trabalho. O isolamento social causado pela pandemia de Covid-19 comprometeu a maioria das atividades de lazer, mas, mesmo neste momento, também é possível se divertir dentro de casa.

Pensando nisso, o Elas Que Lucrem preparou uma super lista com seis opções de dicas culturais para você curtir o momento e aproveitar o melhor da arte em segurança. Tem livro, filme, série, live, perfil para seguir e até exposição.

Veja a seguir, 6 dicas culturais para o final de semana:

1. Livro

Feminismo e Política

Publicado pela Boitempo Editorial e escrito por Flávia Biroli e Luis Felipe Miguel, o livro se dedica a explicar de que forma o machismo reduz as oportunidades de participação social da mulher na esfera pública. 

A obra também trata questões sobre como a divisão sexual profissional e estereótipos marcam o desenvolvimento de crianças e corroboram para um futuro de desigualdade de gênero.

Em uma abordagem mais profunda, o livro também discute o gênero no que tange a cidadania, papéis sociais, classe e etnia.

2. Série

The Bold Type

O enredo da produção gira em torno de três amigas que lutam para conquistar espaço e sucesso na Scarlet Magazine, uma revista com escritório na cidade de Nova York. A trama apresenta de forma bem-humorada as dificuldades de tentar a vida na cidade grande e equilibrar os pratos da carreira e das relações interpessoais

Cada uma das três amigas, Jane, Kat e Surtton, enfrenta seus próprios dramas pessoais, enquanto se depara com segredos e verdadeiros dilemas e desafios na badalada revista chefiada duramente por Jacqueline.

A série norte-americana está disponível na Netflix e faz parte do gênero de comédia dramática. A produção foi inspirada na vida de Joanna Coles, ex-editora-chefe da famosa revista feminina Cosmopolitan.

3. Exposição

Afeto Presente

A exposição reúne 20 obras da artista têxtil e ilustradora Mitti Mendonça, e da fotógrafa e artista visual Ursula Jahn. Com diferentes técnicas e materiais, as duas artistas buscam resgatar o afeto, a ancestralidade feminina e a identidade por meio de imagens.

A mostra, aberta ao público, será exibida até o dia 11 de julho na Galeria Escarta, em Porto Alegre. A novidade é que a galeria passou a oferecer as exposições presenciais no formato virtual. A experiência digital com tour 360º oferece informações técnicas e conceituais sobre as obras e pode ser acessada de forma gratuita clicando aqui.

4. Filme

Jogo de Cena (2007)

Dirigido pelo cineasta Eduardo Coutinho, o documentário apresenta 23 mulheres interessadas em contar suas experiências de vida em frente à câmera no Teatro Glauce Rocha (RJ).  Elas foram selecionadas por meio de um anúncio de jornal publicado pela equipe do diretor.  

As entrevistadas compartilham histórias, abordando as alegrias, tristezas, experiências marcantes e opiniões sobre si mesmas. Atrizes muito ou pouco conhecidas foram convidadas para interpretar as histórias e contá-las a seu modo. 

O longa brinca com a percepção entre realidade e ficção, no qual as personagens reais falam da sua própria vida, depois estas personagens se tornam modelos a desafiar atrizes e, por fim, as atrizes interpretam as personagens. 

Considerado um dos 100 melhores filmes brasileiros de todos os tempos pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine), o filme está disponível no Primevideo (Amazon) e tem a participação de  Marília Pêra, Andréa Beltrão, Fernanda Torres e Mary Sheila. 

5. Perfil no Instagram

@Obviousagency

A Obvious Agency, em português Agência Óbvia, é uma plataforma narrativa feminina que traz novas imagens e representações simbólicas de mulheres. Combina humor e criatividade estética para abordar novos exemplos da feminilidade do mundo contemporâneo, com publicações de diversos temas como estigmas sociais femininos, saúde mental e físicas, assuntos em alta na internet, relacionamentos afetivos, entre outros. 

6. Live

Arraiá Sesc 2021 apresenta Elba Ramalho

No clima das festividades de São João, Elba Ramalho se apresenta no sábado (10) no festival Arraiá Sesc 2021. Com o tema “Cantos e Contos dos Festejos de São João Virtual”, o show será transmitido às 20h pelo YouTube

Nascida na Paraíba, Elba Ramalho é uma das principais cantoras e compositoras do país. Em mais de 35 anos de carreira, a artista vendeu mais de 10 milhões de discos. Possui dois Grammy Latino pelos álbuns Qual o Assunto Que Mais Lhe Interessa? (2008) e Balaio de Amor (2009), na categoria “Melhor Álbum de Raízes Brasileiras: Regional e Tropical”. 

Suas músicas se encaixam em diversos gêneros brasileiros como MPB, forró, xote, baião, xaxado, maracatu e frevo.  Durante sua carreira ganhou apelidos como “Madonna do Agreste”, “Tina Turner do Sertão” e “Rita Lee da Caatinga”.

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: